Feijoada gigante é preparada em festa no Paraná com escavadeira hidráulica da New Holland

Imagine o trabalho e o empenho para preparar uma feijoada gigante. No interior do Paraná, uma escavadeira hidráulica New Holland Construction E245C EVO foi utilizada nesse desafio e ajudou na produção da iguaria servida para mais de 1,5 mil pessoas. O prato é a principal atração da Festa Nacional do Feijão Preto, em Prudentópolis, na região central do Estado. Para conseguir a façanha de misturar 200 quilos de feijão e 700 quilos de embutidos, a máquina – configurada de série com braço, lança HD e capacidade de caçamba de 1.4 m³ a 1.7 m³ – recebeu uma colher adaptada. Força e disposição de sobra da escavadeira foram a garantia de comida farta na festa. “A ideia de utilizar a escavadeira surgiu devido ao tamanho da panela. A produção durou oito horas”, conta Evelayne Iaczuk, uma das sócias da Iatinho Máquinas junto do marido, Marcus Iaczuk, clientes da marca, do ramo de locação. Para ficar pronta a tempo do almoço do Dia dos Pais, a feijoada começou a ser preparada ainda de madrugada. O operador responsável, Ederson de Oliveira Almeida, disse que foi uma experiência única e cheia de responsabilidade. Foi a terceira vez que a Iatinho Máquinas participou do preparo de feijoada – a primeira utilizando a E245C EVO. A empresa trabalha ainda com outros equipamentos da linha amarela da New Holland Construction, como a motoniveladora RG170B e a escavadeira hidráulica E215B. (Fonte: Assessoria de Imprensa - EeaMáquinas)
Mais da Apelmat
Empresários do setor de locação apostam na retomada dos negócios
Empresários do setor de locação apostam na retomada dos negócios

Em sua sétima edição, o Congresso Nacional de Valorização do Rental...

Automec recebe prêmio em conferência global da JCB
Automec recebe prêmio em conferência global da JCB

Distribuidor oficial da JCB em São Paulo, o grupo Automec recebeu o Prêmio Transformação...

Crescimento: construção civil reage e começa a gerar 1 em cada 5 empregos
Crescimento: construção civil reage e começa a gerar 1 em cada 5 empregos

Após cinco anos em queda, finalmente a construção civil começa a reagir....